Imagem 291I62220161810245Q043.jpg

A dimensão do afeto



2014-01-02

Dizer não é o mesmo que falar. Ver não é o mesmo que olhar. Ver é dizer. É ir além, muito além, da superfície. É estar sob, e não sobre, as imagens. É dialogar com elas além-fronteiras, é estar aquém do banal, daquilo que olhamos todos os dias e que não nos pede licença para entrar retinas adentro... tantas imagens e tamanha cegueira a nossa. Ver é se permitir explorar a outra margem, as entrelinhas de um rio que só é invisível porque não prestamos atenção ao seu chamamento e por isso o quase... tantas imagens e tão surdos que somos... cada uma delas com o seu peso de silêncios, com o seu poder de encantamento, com a sua lucidez própria adequada a cada tipo de visão. Ver é diverso. Dizer é diverso Olhar é logro... logradouro... lugar de todos... espaço público do consenso autómato, da preguiça generalizada, pois pensar cansa, dá um trabalho danado exercitar o cérebro e por...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA



  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição

MICROPAGAMENTO

R$1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA





  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição
  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Ozias Filho
Ozias Filho nasceu no Rio de Janeiro. Formado em Jornalismo pela Faculdade Hélio Alonso; em Fotografia pela Pontifícia Universidade Católica, ambas naquela cidade. É pós-graduado em Edição e Novos Suportes Digitais, pela Universidade Católica Portuguesa.  Lançou em 2001, pela Editora Alma Azul, o livro Poemas do Dilúvio. Idealizou e protagonizou, na Casa da América Latina (Lisboa), ao longo da última década, vários projectos: Uma Hora Com os Poetas, Noites em Pasárgada e Neruda com Amor. Foi de 1999 até 2011 o responsável da Editora Vozes em Portugal.É autor de vários livros de poesia, contos e fotografia. Em 2010 foi um dos escritores da antologia de contos Só agora vejo crescer em mim as mãos de meu pai, das Edições Pasárgada, da qual é o fundador e Editor. Criou em 2013 a empresa de consultoria editorial, Aldeiabook Edições. Ainda neste ano, publicou em parceria com o poeta mineiro Iacyr Anderson Freitas, o livro Ar de Arestas; as fotos desta obra estiveram expostas no Museu de Arte Moderna Murilo Mendes, em Juíz de Fora. Expôs recentemente no projecto português On the Wall (de fotografias feitas por smartfones). É editor do blogue O relógio avariado de Deus. Tem uma página profissional em Ozias Filho Photographer (http://oziaspoeta.wix.com/ozias-filho-photo).




Desenvolvido por:
© Copyright 2019 REVISTAPESSOA.COM