Imagem 1533315684.jpg

O bichano experimental

FOTO: CAPA DO LIVRO 'O BICHANO EXPERIMENTAL'



2018-07-25

Pelas ruas de Paraty, após a última FLIP, o autor diz que escritores são os outros, e sai em entrevistas a perguntar: “- Afinal, o senhor ou a senhora faz outra coisa ou vive apenas da bebida?” Conheço este rapaz faz bem uns 30 anos, 32, 33, por aí, e asseguro que se não vive da água que bebe, ele bebe dessa água em que vive. Sei que há muita gente como ele, fazendo de pena e tecla, vazio e pulsos cortados, a própria síntese da vida. Isso de pulsos cortados são palavras de Fernando Sabino, que Brandão relembra. Não cortamos os pulsos em sentido literal, nem estaríamos Alexandre Brandão de um lado, eu de outro, a escrever, se o fizéssemos. Mas tiramos sangue de um lugar pra botar noutro, todo dia, de uma série de formas. Alexandre bota sangue no blog “No osso”, botou sangue em nove livros até agora, três com o grupo Estilingues, seis em deriva solitária...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA



  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição

MICROPAGAMENTO

R$1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA





  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição
  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Nilma Lacerda
Nilma Lacerda nasceu no Rio de Janeiro, onde vive. Autora de Manual de Tapeçaria, Sortes de Villamor, Pena de Ganso, Cartas do São Francisco: Conversas com Rilke à Beira do Rio, tem publicados ensaios e artigos científicos. Professora da Universidade Federal Fluminense e também tradutora, recebeu vários prêmios por sua obra, dentre os quais o Jabuti, o Prêmio Rio e o Prêmio Brasília de Literatura Infantojuvenil. No site da revista Pessoa, na Coluna Ladrinhos, Nilma publica quinzenalmente trechos das páginas lusófonas do Diário de navegação da palavra escrita na América Latina. O texto  ganhou talhe ficcional para publicação em Mapas de viagem, volume de contos que é fruto  de um projeto de formação de leitores. Ela também contribui com crônicas sobre o universo literário.



Sugestão de Leitura


“Chama-se António, como o senhor”

Para Cristina Firmino   A foto do casal de lavradores me pegou pelo pé. Havia terminado a visita ao museu Nogueira da Silva, em Br ...

No ar que me falta

  (Subentenda-se o questionário, que vai aqui respondido.) Viver dói e escolhi a literatura para mitigar a ferida. Poder ...

Mina de palavras

  Para Maria Viana Sendo mais de sol que de brumas, me encanto em névoas, sabendo que a cerração demasiada pode ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2018 REVISTAPESSOA.COM