Imagem 1537110987.jpg

Rendas para um escafandro: um ensaio e um poema para Lu Menezes

Foto de Lu Menezes. Pat Kilgore



2018-09-14

“Toda substância suscetível de dar
um fio pode dar
um tecido” no Lello Universal e no quintal
de mulher braçal que sempre
rentavelmente tece o que lhe acontece"

 

Estes primeiros versos do poema “Render”, incluído em Abre-te, Rosebud! (7Letras, 1997), poderiam servir de introdução à poética de sua autora, Lu Menezes. Nela, os materiais mais diversos, retirados de seu tecido contextual anterior, constituem os fios com os quais a poeta tece preciosas rendas rítmicas. O ritmo marcadamente irregular de seus poemas, nos quais uma cuidadosa alternância de silabas tônicas e átonas acompanha a abundância de rimas, “enjambements” e inversões, é o das intermitências da reflexão, o das interrogações teóricas. Não é raro que o melodema de uma pergunta intervenha nesta tessitura rítmica complexa criando pausas e interrupções,...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$ 1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


ASSINATURA

DESDE R$ 39,00

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA



  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição

MICROPAGAMENTO

R$1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


ASSINATURA

DESDE R$ 39,00

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA





  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição
  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Patrícia Lavelle

É professora do Departamento de Letras da PUC-Rio, atuando no Programa de Pós-graduação em Literatura, Cultura e Contemporaneidade. Doutora em filosofia pela École des Hautes Études en Sciences Sociales de Paris, onde morou entre 1999 e 2014, tem livros de ensaios publicados na França e no Brasil, além de traduções do francês e do alemão. Como poeta, publicou Migalhas metacríticas (7Letras, coleção Megamíni, 2017) e Bye bye Babel (7Letras, 2018). Bye bye Babel obteve a primeira menção honrosa do Prêmio Cidade de Belo Horizonte, edição de 2016.




Sugestão de Leitura


Tempo de ler, leituras do tempo

  Tive febre alta, dores no corpo. Isso durou só uns dois dias, depois ficou um estranho cansaço, mas como passei janeiro e ...

Uma lista extemporânea ou três leituras inatuais

  Quando gosto muito de um livro, preciso ler bem devagar, releio muitas vezes, leio trechos em voz alta para as pessoas queridas. As vez ...

Desacelerando a leitura

  Começo bem devagar. A própria disposição da mancha gráfica na página me obriga a ler lentamen ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2020 REVISTAPESSOA.COM