Imagem 1537795722.jpg

Arabescos de setembro

Foto: Annie Spratt



2018-09-16

 

Começaram em agosto, em desenho gradual. As hastes projetavam-se longilíneas, mas o inchaço nas pontas trazia o anúncio pródigo, percebiam os olhares amorosos a acompanhar a flor espalhada por todo o mundo, com preferência por climas tropicais, e que deu uma passadinha pela cultura árabe para tomar a lição dos arabescos e escrever sinais do tempo em suas folhas e pétalas. Esse tempo que amadurece e expõe-se em confiança na obrigação de florescer, assegurar a perenidade das estações. As orquídeas pela cidade, falo da minha cidade, o Rio de Janeiro, banham a mente, permitem uma leitura política – quem...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$ 6.80

ou

€ 1,10

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


MICROPAGAMENTO

R$ 6.80

ou

€ 1,10

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Nilma Lacerda

Nasceu no Rio de Janeiro, onde vive. Autora de Manual de Tapeçaria, Sortes de Villamor, Pena de Ganso, Cartas do São Francisco: Conversas com Rilke à Beira do Rio, Estrela de rabo e mais histórias, Iberê Camargo: um homem valente, é também tradutora e escreve ensaios e artigos científicos. Recebeu vários prêmios por sua obra, dentre os quais o Jabuti, o Prêmio Rio, o Prêmio Brasília de Literatura Infantojuvenil, além das distinções White Ravens, da Biblioteca Internacional de Munich para a Juventude  e Lista de Honra do International Books for Young People. Professora aposentada da Universidade Federal Fluminense, mantém na Revista Pessoa a Coluna Ladrilhos, com crônicas de talhe variado, em perspectiva lusófona.




Sugestão de Leitura


O coração a perigo

  In memoriam de Breno Foi Breno que me falou de Strange Fruits. Não conhecia essa música de Billie Holiday. Foi uma con ...

Em memória da professora Célia

  Rio de Janeiro, 16 de março de 2022.   Jamil e Juliana, distantes e a meu lado, “seu gesto de arregaç ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2024 REVISTAPESSOA.COM