Imagem 1554023737.jpg

Não desonrem os que lutaram por nós

Foto: Passeata dos cem mil contra a ditadura militar brasileira



2019-03-31

A literatura talvez ainda possa nos ajudar a entender o caos desses dias. Mas, enquanto os textos se assentam, vale fazer um percurso de volta às obras que têm como foco a ditadura de 1964. Não as narrativas produzidas na época, que são muitas e que se debruçam sobre um presente que parecia, então, não ter fim – nesse aspecto, um tempo parecido com o que estamos vivendo hoje –, mas alguns livros muito recentes, que trazem para o centro da cena os sobreviventes, lançando uma indagação sinistra sobre a lembrança de cada vida perdida: como não percebemos o que estava acontecendo, e o que estava por vir, se todos os indícios apontavam para isso? Não é sem um frio na espinha que lemos essas histórias neste momento.

Sartre dizia que a função do escritor é fazer com que ninguém possa ignorar o mundo e se considerar inocente diante dele. Parece justo pensar que o próprio autor deva estar inscrito nessa equação. Em Bolor (de 1968), impressionante romance português sobre os tempos do salazarismo, Augusto Abelaira coloca em cena um pintor que, desconsolado, propõe o silêncio dos artistas, um “pôr-se entre parêntesis até que o mundo se transforme”. Ciente de que, com vontade ou sem ela, a arte dá “satisfação às necessidades vitais de beleza, não de todos os homens, mas somente de alguns: e os piores”, ele...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA



  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição

MICROPAGAMENTO

R$1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA





  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição
  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Regina Dalcastagnè

É professora de literatura brasileira da Universidade de Brasília e pesquisadora do CNPq. Coordena o Grupo de Estudos em Literatura Brasileira Contemporânea e edita as revistas Veredas e Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea. Tem inúmeros artigos e livros publicados.




Desenvolvido por:
© Copyright 2019 REVISTAPESSOA.COM