Imagem 1555593809.jpg

Como era gostosa a minha utopia

Foto: Área de exposição



2019-04-18

No centenário da Bauhaus, a situação política mundial está mais para 1933, ano em que a escola finalmente fechou as portas por pressão dos nazistas, do que para 1919. No Brasil, seus reflexos chegaram bem tarde, e o seu fundador, Walter Gropius, teria enfurecido Oscar Niemeyer em visita ao Rio de Janeiro, em 1954

 

O centenário da Bauhaus, este mês, está sendo comemorado em todas as revistas de arte e design, arquitetura e decoração do mundo. Na Alemanha, a programação dos museus encontra-se repleta de homenagens – a maior delas sendo a inauguração do novíssimo Bauhaus-Museum em Weimar, cidade onde a escola nasceu. Uma enxurrada de exposições, seminários, livros, artigos (como este) marcam a importância fundamental da instituição que, muito mais que uma mera escola, deu ímpeto à difusão global do modernismo artístico. Hoje em dia, a Bauhaus é unanimidade, e quase todo mundo tem algo de positivo a dizer sobre...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$ 1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


ASSINATURA

DESDE R$ 39,00

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA



  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição

MICROPAGAMENTO

R$1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


ASSINATURA

DESDE R$ 39,00

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA





  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição
  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Rafael Cardoso

É escritor e historiador da arte, PhD pelo Courtaud Institute of Art (Londres). É autor de numerosos livros sobre história da arte e do design brasileiros e também quatro livros de ficção, assim como roteiros de cinema e tevê. Colabora com a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Instituto de Artes) e a Freie Universität Berlin (Lateinamerika Institut) como pesquisador associado. Atua ainda como curador independente. Fotografado por Patricia Breves.

 




Sugestão de Leitura


Fraquejada à vista

  No domingo, 3 de maio, travestido de homem comum – com modelito camisa polo e calça jeans, e ar de quem vai até a b ...

Reflexões para a quarentesma

  Poucas pessoas sabem que fui criado num ambiente de fundamentalismo religioso. Não vou entrar em detalhes porque agora nã ...

A banda podre

  Minha avó dizia de uma conhecida dela: “coitada, sempre comeu da banda podre”. Deriva daí meu fascínio ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2020 REVISTAPESSOA.COM