Imagem 1557482519.jpg

Crítica e criação poética hoje – uma correspondência com Rafael Zacca

Foto: Rafael Zacca. Por Marcele Oliveira



2019-05-10

Sustento essa posição, que a crítica deveria repensar o seu papel e as suas formas de atuação em direção a uma “vulgarização” da poesia. Vulgarização, nesse caso, tem menos a ver com a “facilitação” do que tem sido escrito e mais com a sua incorporação na carne do comum. Não para disciplinar a poesia, torná-la palatável, nada disso; mas sim, para fazer com que ela se torne matéria do discurso comum, digamos, entre a seção de esportes e um anúncio de eletrodomésticos no jornal.

 

Realizada por e-mail há algum tempo, essa entrevista com o crítico e poeta Rafael Zacca  prolonga uma correspondência. Diferente da conversa, a correspondência implica uma certa distância não apenas no espaço, mas sobretudo no tempo – nela se opera um entrecruzamento paciente de leituras. Por isso as cartas conservam uma certa abertura, permitindo a escuta atenta do que na pressa corriqueira as vezes silencia. A troca epistolar mantém, de fato, uma afinidade eletiva com a paciência da verdadeira crítica que não é um juízo imediato sobre o valor estético da obra mas – como queriam os pré-românticos alemães – estudo e reflexão de sua forma. Não por acaso, a correspondência foi praticada com tanta constância por críticos como Walter Benjamin ou Mário de Andrade, que também foram escritores.

Soa anacrônica a evocação da correspondência literária num momento em que as redes sociais ocupam um espaço crescente nas relações interpessoais, no campo literário e até na política ? Nem tanto. Abrindo espaço...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA



  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição

MICROPAGAMENTO

R$1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA





  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição
  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Patrícia Lavelle

É professora do Departamento de Letras da PUC-Rio, atuando no Programa de Pós-graduação em Literatura, Cultura e Contemporaneidade. Doutora em filosofia pela École des Hautes Études en Sciences Sociales de Paris, onde morou entre 1999 e 2014, tem livros de ensaios publicados na França e no Brasil, além de traduções do francês e do alemão. Como poeta, publicou Migalhas metacríticas (7Letras, coleção Megamíni, 2017) e Bye bye Babel (7Letras, 2018). Bye bye Babel obteve a primeira menção honrosa do Prêmio Cidade de Belo Horizonte, edição de 2016.




Sugestão de Leitura


Leituras que se cruzam nos jardins de Ana Martins Marques

  O que significa dizer que uma mulher não escreve “como mulher” ou não produz uma “poesia feminina&rdquo ...

Perspectivas de leitura entre dois antipássaros

  Essa leitura d’O Antipássaro, livro póstumo de Donizete Galvão cuidadosamente editado por Paulo Ferraz e Tar ...

Releituras de Orides Fontela, agora

  Escrevo entre a ameaça inominável na política e o incêndio que, entre livros e outras preciosidades, destrui ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2019 REVISTAPESSOA.COM