Imagem 1558177906.jpg

Não cessa o zunido irreparável 

Foto:Altamira. VAlter Campanato. Creative commons



2019-05-18

Inéditos de Bruno Pastore. Curadoria de Heloisa Jahn

 

Sola 

se aprendesse a chorar seria um segundo dilúvio 
mas esse antro duro
não racha nem na desgraça 
casinha de pau, casinha de pai 
telhado sem pinga-pinga 
não racha nem na desgraça 
sempre pra frente, sempre pra fora 
projétil nisso de só dente 
sem cuia, sem garganta 
não racha nem na desgraça 
essa dureza abre o entorno ronda o rebanho 
persegue o estômago 
até arrancar o imoral que mora na alma
patrulha da imobilidade 
do corpo bem ajustado 
numa personalidade
casa de pai, casa de pau 
não racha nem na desgraça 

 

 

[sem título]

a luta dos caldos ancestrais 
o pó nos poros do...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$ 6.80

ou

€ 1,10

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


MICROPAGAMENTO

R$ 6.80

ou

€ 1,10

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Bruno Pastore

Bruno Pastore é artista, filósofo e escritor. Publicou dois livros: A saga de Writer (2012) e Galo de briga” (2017), pelo selo Doburro (Sarau do Burro), distribuídos pelas ruas de maneira independente. Atualmente desenvolve oficinas de artes e encontros filosóficos com moradores de rua no centro de São Paulo.




Desenvolvido por:
© Copyright 2021 REVISTAPESSOA.COM