Imagem 1559557360.jpg

Sereia no copo d'água

Foto: Nina Rizzi. Por Mariana Botelho



2019-06-03

No prelo deste mês, a revista Pessoa publica 3 poemas que integram Sereia no copo d'água. O livro é de autoria de Nina Rizzi e será lançado em breve pelas Edições Jabuticaba. Nina é uma historiadora, editora, poeta e tradutora brasileira. Tem poemas traduzidos para o espanhol, esloveno, inglês e participa em diversas antologias no Brasil, Moçambique, Angola, EUA, Suécia, Portugal e Espanha

 

 

CLAIRE

 

deusa da minha pele toda

 

Claire me dizia coisas bonitas
como
- não há beleza a ser dita

 

guardo sua lembrança
como o maior ou talvez maior
aprendizado infantil

 

- subir em burro brabo
eiaaaaaaaaa!

 

podíamos mergulhar
eu sempre penso Claire

 

nas profundezas
na umidade
no afogamento

 

ela não gosta de nadar
ou de nadar comigo

 

uma vez fomos ao mar
e eu fiquei triste e quis voltar
Claire estava muito aborrecida

 

mas ela toma sol
todas as manhãs
nuazinha

 

ela que disse
talvez para ver meus olhos
a brincar de ciclope

 

guardamos juntas
um quarto ainda

 

quarto cravejado de palavras que não se podem dizer
penhasco

                                                          abismo

 

seria bom...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$ 6.80

ou

€ 1,10

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


MICROPAGAMENTO

R$ 6.80

ou

€ 1,10

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Revista Pessoa
 



Sugestão de Leitura


Azagaia

  às mães e também às mães em minha mãe   é de muita miçanga nos fio ...

Moço em estado de sítio

  (Silêncio. Acende uma luz em Lúcio e Jean-Luc. Comem pão com queijo. Ruído de rua. Um homem idoso está ...

Palavras por uma boa morte

  Poema Zen As palavras não fazem o homem compreender, é preciso fazer-se homem para entender as palavras. Herberto ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2021 REVISTAPESSOA.COM