Imagem 1595341914.jpg

passado, presente e?

Foto: Heather Zabriskie



2020-07-21

deixo por um instante o irmão famélico e imagino como esses corpos prontos para morrer se desenham hoje, quais gestos eles portam como sendo os seus. como entendem o risco e o perigo e se entre um e outro haveria alguma nuance possível. em seguida busco ver o rosto – quais traços portam, sorriem? e os olhos, expressam qual alma? chegam a ter rugas? terão tempo disso? qual é ritmo dos seus andares? andam? como mexem as ancas? com qual força as suas mãos se expressam? sobre o que falariam se todos falassem? poderia eu falar com eles, de algum modo tocada desde sempre por essa morte anterior, feita de um passado ceifado e de tempos onde os sonhos e utopias se interromperam? como sonham os corpos que devem estar todo tempo prontos para morrer?

 

130 dias de isolamento. mais de 80000 mortos, pelos dados que a mídia conseguiu reunir. o governo central disse que já não iria registrar mais nada relacionado aos efeitos do vírus no país. estamos abandonados por tudo o que é central. estamos sem planaltos, sem as vistas da colina. estamos desamparados.

vivemos uma experiência radical de distopia. mesmo que as coisas pareçam funcionar normalmente. um abismo se abre entre essa normalidade do mundo e as pessoas que seguem em casa. uma pobreza galopante nas ruas. maior do que antes, do que sempre. uma corrupção generalizada. e uma competição feia até de...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$ 6.80

ou

€ 1,10

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


MICROPAGAMENTO

R$ 6.80

ou

€ 1,10

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Ana Kiffer

É Professora da Pós-Graduação em Literatura, Cultura e Contemporaneidade da PUC-Rio, Cientista do Estado pela FAPERJ e Bolsista de Produtividade no CNPq. Curadora convidada da Bienal de SP 2021. É escritora, com livros como Tiráspola e Desaparecimentos, Editora Garupa, 2016, A punhalada, 7Letras, 2016, Todo Mar, Urutau, 2018; colunista da Revista Literária Pessoa, pesquisadora da obra do escritor francês Antonin Artaud, vem desenvolvendo há muitos anos uma investigação sobre os diversos modos de relação entre os corpos e a escrita. Autora do livro Antonin Artaud, EDUERJ, 2016, e com Gabriel Giorgi Ódios Políticos e Politica do Ódio, RJ: Bazar do Tempo, 2019 e Las Vueltas del ódio, BA: Eterna Cadência, 2020. Organizadora do livro A Perda de Si – cartas de A. Artaud, Rocco, 2017; e das coletâneas Sobre o Corpo 7Letras, 2016, Expansões Contemporâneasliteratura e outras formas, com Florência Garramuno, UFMG, 2014, entre outros artigos e ensaios.  Fotografada por Aline Macedo.




Sugestão de Leitura


Escrever desde o Sul. 9

  com o coração na garganta   a gente lembra com a perna o quanto o tempo parou "Vingar", de Da ...

escrever desde o Sul. 8

  nunca conheci o meu avô paterno. Sebastiao Kiffer, o Coca. meu pai, que cada vez mais vem se lembrando da sua infânci ...

escrever desde o Sul. 7

  quando se perde um amor, ou a ideia de um amor, ou um possível amor, ou uma possibilidade quiçá de que isso seria ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2021 REVISTAPESSOA.COM