Imagem 1610467206.jpg

Novelo

Foto: Salgado Maranhão. Divulgação



2021-01-12

Salgado Maranhão lançará em breve Novelo pela editora Húmus. O livro reúne três obras da poesia salgadiana: o Mapa da tribo, a Ópera de nãos e a Sagração dos lobos.  

Salgado Maranhão é um poeta e compositor brasileiro, nascido em Caxias, Maranhão, em 1953. Estudou Comunicação na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, onde vive desde 1973. Compositor-letrista, tem músicas gravadas por vários artistas como Elba Ramalho, Ney Matogrosso, Paulinho da Viola e Zizi Possi. Tem vários livros publicados no Brasil e no exterior. Ganhou o Prêmio Jabuti com Mural de Ventos, em 1999, e Ópera de Nãos, em 2016.

 

O sertão mordeu meus calcanhares.
O sertão é um coiote vestido
de súplica (sem que eu visse, abriu
cáries em minhas lembranças);
eis como sangra o poema
vestido
de ausentes;
eis minhas unhas de barro
e servidão.
Em meu corpo
o verão plantou cigarras,
ergueu palavras sobre ruínas
(e essa hipérbole
para além do havido.)
Por onde passo
até as pedras uivam.

 

(Já era lúdico o latejar da luz nos olhos ante a infalível espera da manhã servil. E o ruminar da loucura ilustrada pelo silêncio. Já era férrea a fé cavando a pedra. E a porta aberta ao nunca. Nessa...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$ 6.80

ou

€ 1,10

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


MICROPAGAMENTO

R$ 6.80

ou

€ 1,10

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Revista Pessoa
 



Sugestão de Leitura


Azagaia

  às mães e também às mães em minha mãe   é de muita miçanga nos fio ...

Moço em estado de sítio

  (Silêncio. Acende uma luz em Lúcio e Jean-Luc. Comem pão com queijo. Ruído de rua. Um homem idoso está ...

Palavras por uma boa morte

  Poema Zen As palavras não fazem o homem compreender, é preciso fazer-se homem para entender as palavras. Herberto ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2021 REVISTAPESSOA.COM