Imagem 281H61220161932524P032.jpg

Marília



2014-09-10

A primeira vez que li Marília, eu me perdi. Para mim, que mal sou poeta, até então a literatura estava dividida entre o pão e a âncora, como naquele famoso ensaio do Walter Benjamin. O marinheiro comerciante e o camponês sedentário eram os arquétipos do narrador: um viajava e voltava para contar coisas distantes, o outro mantinha as tradições da tribo, contando coisas que todo mundo sabia mas não lembrava bem. Aí vêm os poetas, distribuem pão aos quatro cantos do mundo e baixam âncora nas coisas que todo mundo sabe mas esquece de vez em quando. Os primeiros textos que li da Marília foram livros de viagem, de lugares que eu nunca tinha visto, mas parecia conhecer palmo a palmo. Foi numa dessas andanças que descobri que narrador bom mesmo tem que ser poeta, mesmo que não faça versos.

São viagens, ou mapas para viagens, os poemas da Marília. Os do Ricardo Domeneck, de um modo só dele,...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA



  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição

MICROPAGAMENTO

R$1,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA





  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição
  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Victor Heringer

O poeta, cronista e ficcionista Victor Heringer  nasceu no Rio de Janeiro em 1988 e faleceu em 2018. Publicou Glória (7Letras, 2012, Prêmio Jabuti), O escritor Victor Heringer (7Letras, 2015), Lígia (e-galáxia, 2014), entre outros. Colaborou para a revista Pessoa entre 2013 e 2017.




Sugestão de Leitura


Pequena antologia de comentários em portais de notícia

  As caixas de comentários nos sites de notícia são a cracolândia da opinião pública. Por muito ...

Leva meu corpo junto com meu samba

A mãe da minha mãe, já velhinha, baixava uns santos lá em casa. O meu preferido quando criança era o erê ...

América do Sul em chamas

Eu estava num ônibus a caminho de La Paz, no que me parecia ser o meio da estrada, quando vimos os primeiros automóveis dando meia-v ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2019 REVISTAPESSOA.COM