Dora Ribeiro

Nasceu em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, em 1960. Poeta, publicou Ladrilho de palavras (coedição com Lélia Rita Figueiredo Ribeiro, 1984); Começar e o fim (Fundação Catarinense de Cultura, 1990); Bicho do mato (7Letras, 2000); Taquara rachada (7Letras, 2002); a teoria do jardim (Companhia das Letras, 2009); olho empírico (Babel, 2011). Mora em São Paulo. Fotografada por Camila Jordan.

Recomendado

O absoluto é um canto

2019-11-22
Fingimento
muito me servem o mal e sua clavis inferni   alba e nigra as explicações pegam  despegam   uma vez engolida a alba outras vezes ...

Da poesia

2012-06-19
Tabacaria
Da poesia (escrita) nasce quase tudo. Com ela se inicia tanto no ocidente quanto no oriente a tradição de produzir textos simultaneamente capazes de comedimento e explosão. Um ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2020 REVISTAPESSOA.COM