Marta Lança

Lisboa (1976). Doutoranda em Estudos Artísticos na FCSH, Universidade Nova de Lisboa, onde se formou em Literatura. Edita desde 2010 o portal BUALA, arquivo transdisciplinar dedicado à cultura no Sul Global. Trabalha também como jornalista, programadora e tradutora, e em escrita e pesquisa para cinema. Publicou o livro infanto-juvenil infinitas-pessoas-mais-uma (Tigre de Papel, 2019) e prepara um romance que se passa entre Angola e o Alentejo na primeira década do século XXI.

Recomendado

Um biopic pessoal

2020-02-27
Colunistas
  Comecei a auto-censurar-me na adolescência e nunca mais parei. Embora tenha algum descaramento, não consigo praticar a extrema frontalidade, que admiro ...

A horta do tio Palminha

2020-01-24
Colunistas
Partíamos de Lisboa. O pai e a mãe suspiravam por uns dias contados na liberdade do campo. Adormecia com os solavancos do carro ao ombro do meu irmão. Em ...

Sami

2019-12-20
Desassossego
Ensinaram-me que devemos passar aos outros as nossas histórias: se as memórias desaparecem, deixamos de saber quem somos; se fica presa numa só ...

"Estamos é juntos". Angola e Brasil em 'Desmedida', de Ruy Duarte de Carvalho

2019-01-06
Terceiro Caderno
Desmedida (Cotovia e Língua Geral) e Terceira Metade (Cotovia), os últimos livros que Ruy Duarte de Carvalho publicou, pautam uma viragem na obra do autor angola ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2020 REVISTAPESSOA.COM