Nei Lopes

Nei Lopes, carioca de 1942,  é compositor e  escritor. Ficcionista, tem publicados Vinte contos e uns trocados (Rio, Record, 2006); Mandingas da Mulata Velha na Cidade Nova (romance, Rio, Língua Geral, 2009); Oiobomé, a Epopéia de Uma Nação (romance, Rio, Agir, 2010); Esta árvore dourada que supomos (romance, São Paulo, Babel, 2011) A lua triste descamba(romance, Rio, Pallas 2012); Rio Negro, 50 (Rio, Record, 2015) etc. É também poeta e dicionarista, sendo autor da Enciclopédia brasileira da diáspora africana (São Paulo, Selo Negro, 2011, 4ª. ed.) e outras obras de referência.

Recomendado

Vevé da Vila tem cada uma...

2015-04-21
Desassossego
                             & ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2019 REVISTAPESSOA.COM