Marcos Alvito

É historiador e antropóloggo. Foi professor da UFF por 32 anos. Conseguiu sua alforria em 2016 e passou a dedicar-se à literatura, sobretudo ao estudo de Grande sertão: veredas.

Recomendado

O engano de Ruy Castro e a última carta de Rosa

2019-10-31
Tabacaria
  Quando as cartas começaram a se aproximar de 1960 a onda de tristeza foi se erguendo na alma. Sabia o ano em que elas iriam cessar. O fio da vida de Guimar&at ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2019 REVISTAPESSOA.COM