Rita Moreira

São Paulo, 1944 é uma cineasta, jornalista e escritora brasileira. Seus documentários são refletem questões sociais, com ênfase em pessoas colocadas à margem nos grandes centros urbanos. Suas temáticas englobam desde crianças abandonadas e racismo até questões de gênero e sexualidade, sendo seus vídeos considerados um marco da abordagem feminista da década de 70 e 80. É autora dos livros de poesia Maria Morta em Mim (1963), escrito quando ainda tinha dezessete anos, A Hora do Maior Amor (1965), Perscrutando o Papaia (1999) e Coração de Ontem (2015). Tarabalha em um novo livro do gênero.

Recomendado

Credo

2021-02-11
Fingimento
  Eu creio na dor de dente, no banho quente ao fim do dia. Na mão vazia pedindo esmola. Na linda estola que ela não ousa vestir jamais temendo a ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2021 REVISTAPESSOA.COM