Manuel Jorge Marmelo

Manuel Jorge Marmelo (Porto, 1971) é escritor português. Estreou-se nas letras em 1996 com o livro O homem que julgou morrer de amor/O casal virtual. O livro de contos O Silêncio de um homem só (2005) valeu-lhe o Grande Prémio de Conto Camilo Castelo Branco. Tem participado em várias publicações e antologias, entre as quais se destacam: Porto.Ficção (edição Asa), Putas – Antologia do Novo Conto Português e Brasileiro (edição Quasi), Porto, Fragment de Vie (da editora francesa L’Escampette), Doze Contos com Livros Dentro (edição Campo das Letras), Suplemento Literário de Minas Gerais e Bestiário (ambos do Brasil), Os fantasmas de Pessoa (Companhia das Letras/Asa) e a antologia Best European 2015. Venceu em 2014 o Prémio Literário Casino da Póvoa com o romance Uma Mentira Mil Vezes Repetida, publicado em 2011 pela Quetzal.
Recomendado

A maldição de Alberto Manguel

2015-09-02
Vária
O acaso fez com que, há alguns meses, viajasse da ilha da Madeira para o Porto na companhia do escritor argentino Alberto Manguel (autor, entre outros, do genial Dicionário de ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2019 REVISTAPESSOA.COM