Como vim parar aqui?

Angela Marsiaj escreve ficção desde 2014, é como ela se apresenta na biografia que pedi. E acho que essa apresentaç&a ...

O passado no presente e questões de preservação: a réplica de Chauvet

  Uma das experiências mais memoráveis que realizei recentemente foi uma visita, em outubro de 2016, à réplica ...

O homem elementar

  O homem estacou muitas horas diante da pedra, o olhar em nada, tão pouco na referida pedra. Finalmente, os lábios abriram ...

Radical Women: em recorte heterogêneo, curadoria discute política e a reinvenção das mulheres na art

  Aquela mulherzinha que você conheceu morreu sem alarde. Ardia de amor e se queimava. Teresinha Soares    No de ...

O Brasil na fogueira

  A destruição do Museu Nacional, na Quinta da Boa Vista, é uma perda de proporções incalculáve ...

Uma puta viageira.7 Miss L.

  Para Hilda e Miss L.   Ela nunca soube. Mesmo que o mundo fosse bem maior. E mais louco. E o amor impossível. O &oacu ...

Em novo livro, Edmar Monteiro Filho acerta ao flertar com o insólito e o fantástico

Não há nas narrativas de Edmar Monteiro Filho nenhum grande tema da “moda”. Pelo contrário, suas temática ...

Formas e sentidos. Uma conversa-crítica com Paulo Henriques Britto 

Li Nenhum mistério assim que saiu dos cadernos virtuais que Paulo Henriques Britto mantém na nuvem e virou um arquivo pdf enviado & ...

Se é desejo, se é medo, se é ódio

um poema a w.h. auden   que a noite torna a urgir com nossa partida como crianças que apanham chuva sem gosto parado no torve ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2018 REVISTAPESSOA.COM